O que é Feng Shui?

0 21

No post de hoje vamos falar sobre feng shui decoração.

E o que viria a ser feng shui?

Possivelmente já deve ter ouvido falar ao menos, deve saber que se trata de uma filosofia oriental, porém nunca teve a oportunidade de se dedicar fundo no assunto.

Bom, chegou a hora.

Mas o que essa arte milenar tem a ver com decoração?

Saiba que a decoração de muitas casas e estabelecimentos comerciais se baseiam nessa arte não só por questão estética, mas para assegurar boas energias, prosperidade, proteção contra vibrações negativas.

Mas para falar sobre feng shui decoração é preciso explicar, entender o conceito dessa arte, quais são os seus pilares, quais as crenças que se fundamenta.

Após a explicação da técnica em si explicaremos como é feito a decoração ao modo feng shui e as melhores dicas para introjetar no ambiente esse estilo, essa arte.

Saiba mais sobre feng shui decoração a seguir prosseguindo com a leitura dos tópicos abaixo.

Confira!

O que é feng shui?

Bom, essa arte, como dito, não é novinha não, existe há alguns milhares de anos, 4 milênios para ser mais exato, e é fruto de um caldeirão de influências, de culturas, de filosofias.

As mais notáveis são o I Ching, o Confucionismo e o Taoismo.

O seu princípio é a harmonização energética dos ambientes. O feng shui acredita que cada ambiente é dotado de uma energia, conhecido dentro dessa cultura como “Chi”.

Ela surge devido a observação de velhos sábios chineses sobre os efeitos da natureza no ambiente que frequentavam, no caso plantações e moradias, a base da sobrevivência nos primórdios da civilização.

Um local inadequado para o plantio ou para a construção de uma casa poderia significar a total ruína de uma família que não teria condições de se instalar em outro local, ao menos a curto prazo, não havia um seguro social e em muitos casos pessoas próximas para providenciar abrigo, então, acertar e ter boa fortuna na escolha desses locais eram essenciais.

Essas análises levaram a uma série de recomendações sobre o que seria mais adequado colocar em determinados trechos da casa, que tipos de terrenos são mais indicados para se assentar, o que é prejudicial ou não para a propagação de boas energias e afastamento das negativas, recomendações que se tornaram um tratado, um compêndio que serve de base ao feng shui decoração.

Esse conjunto de apontamentos foi passado de geração após geração, sendo praticado em toda a China ao longo desse período.

Mas quase tudo que envolve a cultura oriental, tem ramificações, regionalismos, que diferenciam, mesmo que discretamente, a prática de uma região para outra. O mesmo ocorre com o feng shui decoração. A arte é praticada de diferentes maneiras, mesmo que o enfoque, o objetivo, a premissa seja a mesma, conforme o lugar em que é praticada no gigante dragão chinês.

Essas ramificações propiciou o nascimento de escolas de feng shui decoração, as mais populares são: Escola do Chapéu Negro, Escola da Forma e Escola da Bússola.

Os objetivos do feng shui decoração

São três os pilares que sustentam o feng shui decoração:

  • Redirecionar as energias negativas existentes no local para o campo externo;
  • Preservar a energia positiva no local habitado, além de distribuí-la pela área;
  • Estudar as interações dos objetos com o espaço, propor mudanças arquitetônicas e de cores com a intenção de atrair influências positivas, como prosperidade, saúde, amor entre outras para os moradores praticantes do feng shui decoração.

O feng shui decoração no dia-a-dia

Como exposto mais acima, o feng shui decoração pode ser utilizado para domicílios residenciais, empresas e comércios e também para uso pessoal.

No caso do primeiro, nas moradias, sua principal função é proteger a área de energias contrárias, preservar as positivas com a intenção de promover e resguardar a harmonia entre os integrantes da casa, da família, facilitar o encontro da pessoa amada ou melhorar a qualidade do relacionamento.

Já para a empresa e estabelecimentos comerciais, o feng shui decoração, não podia ser diferente, vem com a proposta de melhorar as condições para a prosperidade, melhorar a qualidade do relacionamento da equipe que trabalha no local, atrair boas oportunidades de negócio, aumentar a motivação e o lucro do empreendimento.

Já na esfera pessoal, o feng shui decoração traz o benefício de promover, alavancar o equilíbrio mental, o controle das emoções, melhorar a disposição física, beneficiar as relações familiares e amorosas, contribuir para melhor fortuna no trabalho e estudos.

Feng shui: dicas de decoração

A pessoa que pretende fazer um feng shui decoração deve se basear em um mapa dos centros de energia da residência, conhecido como baguá.

É um mapa que aponta quais são os melhores locais para se instalar determinados cômodos e onde será melhor aplicado determinados móveis e elementos, tudo para favorecer a boa circulação de energia positiva e bloquear as más vibrações.

Uma das recomendações recorrentes apontada pelo mapa é a:

Posição de comando

Todo ambiente deve ser baseado, ser concentrado em um móvel que melhor representa. Por exemplo, em um escritório, a mesa deverá ser a protagonista já que todo o trabalho, as decisões importantes, o fonte de prosperidade sairá desse móvel. Portanto, a mesa deve ficar no centro.

Outra recomendação é jamais ficar de costas para a porta.

Cuidado com os objetos pesados

Outra orientação do feng shui decoração é ter cuidado com os objetos pesados, nuca colocá-los no teto ou acima da cama, pois são perigosos. Se mal instalados, esses objetos podem cair, além de provocarem efeito psicológico desagradável: ansiedade e preocupação em nosso subconsciente.

Espelhos na cama

Gosta de espelhos na cabeceira. Seguindo o feng shui decoração deverá se livrar deles, ou melhor, apenas tirá-los desse local, pois segundo essa arte espelhos reflete a energia para longe da cama, sendo que as boas vibrações devem se concentrar nesta área do cômodo.

Água no quadrante prosperidade

Onde o baguá indicar ser o local da prosperidade na casa, provavelmente irá colocar a água como um dos elementos positivos em se ter em tal região do ambiente, para manter a prosperidade.

A forma em que irá instalar água corrente no quadrante indicado caberá a sua imaginação. Mas normalmente se opta por aquários e pequenas fontes.

Obstáculos na entrada

Não é positivo, segundo o feng shui decoração, colocar obstáculos de frente a entrada, pois atrapalha o fluxo de energia que vem de fora. Os focos a se mirar nesse setor da casa são dois: proteger a residência de energias externas e dá boas vindas aos visitantes.

Para isso recomenda-se o uso de paisagismo, folhas, vasos na entrada, mas que não sejam depositadas diretamente defronte a porta principal, mas em um caminho levemente curvo, um jardim por exemplo.

Essas foram algumas dicas de feng shui decoração.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.